People in Profit System

Da Thinkfn

A People In Profit System - PIPS, pureinvestor.com, era uma empresa da Malásia que dizia investir em imobiliário, moda, restauração, cinema e nos mercados de capitais mundiais. Para fazer face a estes investimentos, teoricamente pedia dinheiro emprestado aos auto-denominados "pipsters", que se encontravam espalhados por todo o mundo. O seu líder era Bryan Marsden, casado com Sharon Marsden (Phan Sew Ken), que o acompanhava na promoção da empresa.

Esta empresa foi acusada por múltiplas autoridades e entidades de operar um esquema de Ponzi[1] [2] [3] [4] [5] [6] e é objecto de um livro [7].

A pureinvestor.com prometia 2% ao dia e promoveu conferências em vários países, a última das quais no Hawaii em Março de 2005. Devido a ter sido exposta no site Think Finance em Novembro de 2004 (ver a exposição original da fraude em PIPS - Uma dona branca dos tempos modernos e a FAQ não oficial da fraude em PIPS - The unofficial FAQ (update 13)), inclusive programou a conferência de 2006 para Portugal como táctica de pressão.

Porém esta nunca se chegou a realizar, pois os escritórios do PIPS foram fechados pelo Bank Negara Malaysia (Banco Central da Malásia)[8][9] em 19 de Agosto de 2005.

Referências

  1. Texas State Seccurity Board 2005 Press Release
  2. Australia Securities & Investment Commission avisa acerca do esquema ‘PIPS’ (People in Profit System): Investigation in Malaysia
  3. Estado do Nebraska avisa acerca do esquema PIPS
  4. Estado do Missouri avisa acerca do esquema PIPS
  5. FSA avisa acerca da pureinvestor.com
  6. Artigo no "The Guardian" acerca da fraude PIPS
  7. Platt, Owen, Just Numbers on a Screen: How the Marsdens Fooled 200,000 Pipsters, 2006, La Fontaine Media Limited, ISBN-10: 0954888316
  8. Bank Negara Malaysia warning on PIPS
  9. Bank Negara Malaysia acusação de Bryan Marsden